Você está em:

Novidades

Por que o valor do seguro de autom贸veis pode variar tanto?
Basicamente, cada seguradora determina crit茅rios pr贸prios para precifica莽茫o de seus produtos, de acordo com sua base...

Basicamente, cada seguradora determina critérios próprios para precificação de seus produtos, de acordo com sua base de dados e o risco de seus segurados se envolverem em acidentes ou terem seu automóvel furtado ou roubado. Ou seja, o índice de sinistralidade é um dos principais fatores a influenciar no preço do seguro auto, aliado à cobertura escolhida pelo cliente e o perfil dele.

Sinistro é toda e qualquer avaria que possa acontecer com o automóvel ou a terceiros, e, dependendo da cobertura adquirida, o dano será coberto pelo seguro, ou não. O fator sinistralidade explica também a diferença de valores entre regiões, pois em locais onde as probabilidades de danos são maiores, os condutores pagam a mais do que os que dirigem em áreas mais seguras.

A cobertura em si, escolhida pelo condutor, também influencia no valor. Quanto mais completa, mais cara ela vai custar. Há no mercado desde coberturas simples – que abrangem apenas furto e roubo, por exemplo – até outras que possuem itens adicionais como: proteção de acessórios e determinadas peças, carro reserva; etc. Orientado por um corretor, o motorista pode adicionar ou excluir vários itens da apólice, resultando em preços diversos.

Outro fator que influencia no preço do seguro auto é o perfil do condutor, definido com base em diversos aspectos, como idade e sexo. “Uma série de aspectos são levados em consideração, porque eles definem qual cobertura a pessoa precisa. Por exemplo, o motorista que é mais jovem, não tem tanta experiência ao volante e é mais suscetível a sinistros”, explica o corretor carioca Eduardo Drum.

Entre os principais definidores do perfil do condutor, a idade e o endereço figuram como os aspectos centrais. A disposição de garagens para guardar o carro – tanto em casa, quanto no trabalho – e a quilometragem média diária feita com o automóvel, também são levados em conta pelas seguradoras, pois determinam o quão exposto o veículo fica a danos.

E quanto mais pessoas dirigem o carro, o preço do seguro também sofre uma variação, pois passam a ser analisados dois perfis ou mais, que podem ter estilo de condução diferentes entre si, sendo um mais passível de sinistralidade do que o outro.

As estatísticas divulgadas pelo Denatran relacionadas ao sexo e ao estado civil do motorista também são consideradas na hora de dar preço ao seguro. Estatisticamente, as mulheres se envolvem em menos acidentes de carro do que homens, o que faz o seguro delas ser mais barato. E de acordo com a base de dados das seguradoras, os motoristas casados também são mais cuidadosos do que os solteiros, e por isso têm o seguro mais barato.

Para encontrar um seguro que seja amigável ao bolso, o motorista não tem muitas alternativas, a não ser comparar preços de coberturas que sejam condizentes ao seu perfil. Uma opção para ter acesso a várias cotações e ao atendimento de bons corretores são sites como o Portal-dos-seguros.com. Seu cofundador, Giuliano Sarzana, explica que, ao preencher o formulário, o motorista é procurado por corretores que apresentarão propostas adequadas para ele. “O usuário receberá opções de cotações do seguro que deseja, podendo analisar e escolher a que mais lhe interessa e melhor lhe atende. Além disso, o Portal-dos-seguros.com. utiliza os mais avançados recursos de segurança, garantindo altíssima eficácia no sigilo dos dados dos usuários.

Fonte: CQCS - Centro de Qualificação do Corretor de Seguros

Solicite o seu orçamento e viva com segurança

Precisando de cuidado e tranquilidade para a sua vida? Solicite um orçamento e surpreenda-se com o que podemos fazer por você. Vive seguro quem tem proteção.

49 3441 0800 - info@aguiaseguros.com.br  
Tv. Antônio Brunetto, 129 - Centro Concórdia - SC  -  89700-166  

Copyright 2015 - Todos os direitos reservados - o2.ag